sexta-feira, 31 de outubro de 2008


E sua mão começa a passear pelo seu corpo, quando derrepente, o celular de Luiza toca, ela vê que é Apolo e diz que não vai atender, mas Pietro insiste.

-Atende, pode ser importante
-Não, não quero.
-Atende Luiza
-Que saco! Oi Apolo!
-Oi Lú! Estou ligando ai na casa de sua mãe e ninguém atende, estava preocupado.
-É...
-Estou indo te buscar.
-Não, é que, ai que dor de cabeça.
-Então já vou.
-Eu não estou na casa da minha mãe, eu estou na Sophia.
-QUE HISTÓRIA É ESSA LUIZA? Você não falou que ia na sua mãe?
-Eu fui, mas não tinha ninguém, Sophia me ligou dizendo que estava doente e vim vê-la.
-Tá, jajá chego ai.
-Não Apolo, eu vou dormir aqui.
-O QUE?
-Brincadeira amor...
-Tchau te amo.
-Também te amo - Luiza diz olhando para Pietro.

Apolo desligou e foi buscá-la. Luiza ficou desesperada.

-E agora? Tenho que correr para a casa de Sophia.
-Eu falei pra você ir embora.
-Eu sei, me leva até o portão!
-Não, vou te levar até a casa da Sophia, você não está em condições de andar sozinha, ainda mais essa hora.
-Mas Apolo pode ver...
-Não vai, mas vamos logo.

Pietro e Luiza vão correndo para chegar antes de Apolo.

-Melhor você voltar daqui Pie
-Tudo bem, vou ficar te olhando. Tchau Lú.
-Tchau... Ah eu vou ficar esperando Apolo no portão, quando ele chegar, vá até a casa de Sophia e diz para ela confirmar que eu estava na casa dela, caso alguém pergunte.
-Tá, agora vai logo, deve ser o carro de Apolo vindo.
Luiza vai para o portão e finge estar acenando para alguém, Apolo desce do carro, ele quer entrar para ver se Sophia está melhor.

3 comentários:

Dani Uzeda disse...

Oi Grasi. Adorei a historia... daí comecei a ver os post anteriores. Dá maior curiosidade. Hehe. Bjus

wallis disse...

Coitado do Apolo, Se Liga!!! eu disse que ele seria a vitima dessa história. :P

RodrigO [OsBunitãO] disse...

Pobre Apollo!
Eu to lendo a história de tras pra frente!
Agora to começando a entender!